O ano da primeira vez para tudo. Provavelmente muitos pais e mães se lembram do primeiro choro, da primeira noite em claro, do primeiro banho, do primeiro sorriso, da primeira gargalhada, do primeiro dentinho, do primeiro abraço, da primeira palavra deles, que define nossas novas identidades- Mamã, Papá! 

Mas o primeiro ano de um filho nas nossas vidas, também vem cheio de incertezas, dúvidas, medos, preocupações, ansiedades e lágrimas, muitas lágrimas. Acho que faz parte de se descobrir responsável por uma nova vida, que depende tanto da gente, né?! 

Esse ano que passou foi com certeza o ano mais marcante, intenso e transformador da minha vida e do meu marido. Foi o ano mais lindo de nossas vidas, mas também o mais difícil. Juntos nesse primeiro ano do Lucca, descobrimos um mundo novo. Nos descobrimos família. Nos redescobrimos como indivíduos. Eu passei de “Fernanda” para “Fernanda mãe do Lucca”, e meu marido passou de “Robert” para “Robert pai do Lucca”.  E só quem é mãe e pai conhece o tamanho dessa transformação. Superamos juntos desafios desconhecidos e conhecemos um amor infinito e inexplicável. 

Uma mãe de 3 filhos, (ouço sempre atentamente as mães de 3 filhos) me disse algo interessante, que eu nunca havia pensado antes de ser mãe. Ela me disse que além de celebrar o primeiro ano de vida do bebê, no aniversário de 1 ano, devemos celebrar também 1 ano da nossa nova identidade como pais. Devemos celebrar a superação desse ano de tantas mudanças, de tanta entrega, doação e dedicação à esse filho, que é extremamente dependente da gente nesse começo de vida. Devemos comemorar o fato de que chegamos até aqui, inteiros e juntos! 

Por isso, não podíamos deixar de comemorar, celebrar e reviver os momentos desse primeiro ano, com a família e os amigos que tanto nos ajudaram nesse ano que passou.

Aqui os aniversários de criança costumam ser festinhas simples no quintal de casa, ou em um parque. E assim foi a festinha do Lucca, no quintal da casa da minha sogra, e o tema da festa foi o primeiro ano de vida dele, simples assim! 

Fiz toda a decoração com a ajuda da minha mãe, do meu marido, e do meu pai que cuidou do Lucca enquanto nós preparávamos tudo. 

Penduramos balões, recortamos bandeirinhas, decoramos a festa com fotos e objetos que contavam um pouco da história do Lucca nesse primeiro ano que passamos juntos.

As bandeirinhas em cima da mesa do bolo, tinham as fotos de cada mês, desses 12 meses de crescimento e aprendizado. 

Eu e minha mãe fizemos o bolo (cheese cake), os cup cakes de brownie com cobertura de brigadeiro, e os brigadeiros de copinho, com amendoim. Misturei um pouquinho das guloseimas brasileiras com as americanas, já que o Lucca é uma mistura desses dois países e tínhamos convidados americanos e brasileiros. 

Para os bebês coloquei nesses potinhos, frutas vermelhas (mirtilo e framboesa) e fiz também um bolinho de Banana Baby friendly, sem açúcar e super saudável. O Lucca ama esse bolinho, e os outros bebês adoraram também, a receita está no texto “Comidinhas de Bebê” aqui no blog. 

Coloquei no jardim vários tapetes de picnic e vários brinquedos, esse foi o cantinho onde todas as crianças da festa se divertiram, e a mesinha de água foi a sensação dos bebês! 

Acabamos convidando mais gente do que imaginávamos, mas como disse não podíamos deixar de fora ninguém que nos ajudou nesse ano.

Cantamos parabéns em inglês e português, pois não poderia ser diferente já que nossa vida é em inglês e português.  Foi muito emocionante cantar parabéns para o Lucca ao lado daqueles que 1 ano atrás estavam na sala de parto comigo, segurando minha mão por horas e horas e que nos ajudaram tanto até aqui.  Meu marido, minha mãe, meu pai e minha sogra. 

E foi lindo olhar ao nosso redor e ver todos os que participaram de diferentes maneiras desse primeiro ano. Os amigos que trabalham com o Bob e foram tão compreensivos com ele em vários momentos, as minhas“amigas mães” que a maternidade me trouxe, que foram minhas parceiras e me acolheram nos momentos difíceis, me dando conselhos e dicas valiosas. Os outros bebês que cresceram com o Lucca nesse 1 ano. 

Até mesmo o restante da minha família que não pôde vir e estava no Brasil, encontrou uma maneira de participar. No chá de bebê do Lucca no ano passado,  meus primos vieram me visitar e trouxeram uma caixa cheia de mensagens da minha família do Brasil para o Lucca. Mas eu só poderia abrir a caixa no aniversário de 1 ano dele. 

Assim foi feito e foi muito especial ler todas aquelas mensagens de 1 ano atrás. Revivi aquele momento mágico do finalzinho da gravidez e senti como se toda a minha família estivesse comigo naquela celebração. 

Adorei ter cuidado de cada detalhe da festa de 1 ano do meu filho, detalhes que me fizeram reviver momentos inesquecíveis desse ano que passou! 

Foi um dia leve e lindo! Fiquei muito feliz de termos feito uma festa onde a celebração e o agradecimento com a família e os amigos era o tema principal da festa!!!

8 Comments